Pular para o conteúdo principal

Razões para escrever

Escrevo porque a dor existe:
Se não o fizesse, morreria.
Escrevo por que a voz fraqueja:
Se não escrevesse, desistiria.

Não tenho opção:
Ou escrevo ou corto os pulsos.
Não tenho outra opção:
Ou versejo ou fico avulso.

Escrevo porque não há outro jeito
Tenho um nó no peito que só me oferece dois caminhos:
Ou sou poeta farto ou sou mudo e infarto.

Estou triste.
Tristeza também é força
Ou a transformo ou vou para a forca:
Não me foi dada outra alternativa.

Não me há outra possibilidade se não a Arte!
Não tenho outra razão, senão ser poema em toda parte!
Não fossem estas palavras, estaria agonizando:

Para eu sobreviver, só mesmo cantando!

Comentários

Postagens mais visitadas