Pular para o conteúdo principal

Chão de Estrelas

Sonhei que caminhava entre as estrelas,
E era um sonho sonhar em tê-las tão perto.
As estrelas eram de múltiplas cores,
Eram repletas dos amores que faltam entre nós.
Entre elas, eu nunca estava só:
As estrelas e eu éramos nós;
Éramos a união correta;
Nas linhas tortas, éramos a escrita reta.

Sonhei que as borboletas eram estrelas
Esvoaçantes com calda de fogo.
Era tão bom tocá-las, vê-las,
Que eu me sentia abraçado por braços de algodão.
As estrelas levavam meus cansaços, eram a minha salvação.

Sonhei que pisava em estrelas
E era perfeito pisá-las,
Caminhar por cima delas.
Elas brilhavam, apontando meus caminhos,
Lançando-me fora do ninho,
Trazendo-me a paz.
E esse chão de estrelas era o meu céu,
Quem me tirava a alcunha de réu,
Eram a liberdade que eu sonhava.

E eu sonhava.
Sonhava que caminhava entre estrelas que voavam,
Que voavam e que eu pisava,
Que eu pisava e me libertavam.
Sonhei que havia um céu de estrelas
E esse céu era o meu chão.


Comentários

Postagens mais visitadas